Jeferson escolhe Nita pelo PP e PCdoB mantém nome de Marden na sucessão em Madre de Deus. Aliados reclamam

A sucessão do prefeito Jeferson Andrade (PP) em Madre de Deus continua movimentando os bastidores políticos do município. Após o anúncio de Nita Oliveira (ex-prefeita e atual secretária de Educação) como pré-candidata dos Progressistas ao posto de chefe do Executivo, a política fervilhou nos quatro cantos da cidade.

Um mês após Nita ser anunciada no Encontro Estadual do PP realizado no dia 30 de setembro, o nome da nova filiada da legenda causou desconfortos considerados desnecessários ao líder do grupo político que comanda a cidade atualmente. Além de parecer não emplacar na preferência do eleitor por sua desastrosa atuação à frente da gestão municipal, onde foi alvo de cassação abertamente apoiado pelo atual prefeito, Nita também não tem o apoio de integrantes do governo e de lideranças políticas que alegam imposição de Jeferson Andrade aos seus liderados para que a mesma seja referendada nas urnas.

Recentemente, o PCdoB local realizou seu encontro e definiu que também terá candidatura majoritária e a pré-escolha foi pelo nome do vereador licenciado e atual Secretário de Cultura, Marden Lessa. O jovem comunista fez questão de afirmar durante a conferência comunista que não abre mão do sonho de governar a cidade. Durante a Conferência Municipal da sua legenda pregou respeito aos outros demais pré-candidatos e afirmou que reúne as melhores condições para ocupar o cargo de prefeito em Madre de Deus. “Já provei minha lealdade, companheirismo e honestidade ao lado desse grupo. Fui líder de governo e sempre busquei garantia da governabilidade do prefeito. Sonho em ser prefeito de Madre [de Deus] porque eu sei o que nossa cidade já tem de salto de qualidade e que a gente vai continuar. Não vou deixar a obra nenhuma do governo Jefferson Andrade parada como muitos deixaram no passado”, declarou Marden.

E continuou: “Quero governar diferente porque eu entendo que a obra não é de Jefferson e sim, do município. Sinto amor pela cidade por vivenciar o dia a dia do município, por morar aqui, o que é totalmente diferente de outros pré-candidatos que não moram aqui. Conheço a realidade e melhor que ninguém sei que tem alguns problemas que a gente precisa resolver. Eu conheço todos esses problemas e quero ajudar a resolvê-los ouvindo a nossa gente que sabe fazer e que chegou nossa vez de fazer. Vamos aguardar o momento certo respeitando a todos e todas, mas vamos manter nosso posicionamento e trabalho”, finalizou Marden alertando quanto ao cumprimento da Lei Eleitoral.

Na capital baiana, observadores políticos e jornalistas comentaram sobre o cenário político em Madre de Deus. Experiente político em conversa com profissionais que cobrem a Câmera Municipal de Salvador foi enfático e disse: “Aquele prefeito [Jeferson Andrade] é especialista em fazer bobagens e desarrumar as coisas que caminham direitinho na cidade”.

Jornalista de um site local que atuou na cidade na primeira gestão de Jeferson Andrade comentou a decisão em torno de Nita de Oliveira. “Lembro o quanto ele trabalhou pela cassação de Nita em 2008. Tinha o vigor da juventude e junto com políticos e empresários mais experientes se tornou ícone daquela movimentação. Hoje estranhamente traz a ex-prefeita para o PP e apresenta como nome para sucedê-lo. É muito estranho e isso vai deixar os aliados em polvorosa”, disse o comunicador.

Existem rumores de que a decisão tomada por Jeferson Andrade podem diminuir ainda mais a aprovação da sua gestão. Diante de tal situação, confirmado esse cenário, a estratégia do governo e do seu grupo político teria que ser reprogramada.

O Diário da Metropolitana mantém o espaço para resposta da administração municipal.

Leia a anterior

Prefeita de Itaparica inaugura posto de saúde e anuncia agenda intensa com uma inauguração por mês

Leia a próxima

Resultado de pesquisa de satisfação pode fazer Jeferson Andrade corrigir rota eleitoral em Madre de Deus

Deo seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *